O próximo lançamento da Série Need for Speed

Você já tunou, você já derrapou. Já fugiu da polícia, pulou de pontes em alta velocidade e fundou sua própria gangue. A adrenalina foi a níveis estratosféricos, e agora você finalmente achou que ia conseguir descansar um pouco – errado. As corridas de rua podem ter acabado, mas agora a disputa ficou séria: grandes festas de carros e toda a velocidade de antes estão de volta mais uma vez, em Need for Speed: ProStreet.

 

Continue lendo >

Em 2006 a Electronic Arts nos apresentou a NFS Carbon, chamado por muitos de “Need for Speed Most Wanted à noite”. Apesar de algumas novidades apresentadas, o game era muito parecido com o seu antecessor – principalmente no que diz respeito a fórmulas e modos de jogo. Mas agora, promete a produtora, tudo será diferente. Nesse que será nada menos que o décimo sétimo game da série, podemos esperar mais do que uma evolução, um amadurecimento da cultura de corridas de rua que agora chega à nova (e à velha) geração.

Em ProStreet, as coisas vão funcionar de um jeito um pouco diferente do que vinha sendo feito até agora. Claro, é divertido correr alucinado pelas ruas da cidade sem nenhuma restrição, mas agora você entrará para o mundo dos profissionais. O game não será mais composto de diversos desafios espalhados pela cidade, exigindo um certo nível de exploração e paciência. As corridas no novo Need for Speed se concentrarão principalmente em eventos realizados em finais de semana – grandes reuniões feitas por amantes de velocidade, para amantes de velocidade. Depois de uma longa semana de preparativos, você será convidado a participar dessas provas para mostrar sua caranga e seu talento… partindo de um simples desconhecido até chegar ao posto de “Rei da Rua”.

Cada um desses eventos regados a roncos de motor, mulheres bonitas e asfalto queimado oferecerá essencialmente quatro tipos de modalidades de corrida: “Drift”, “Drag”, “Grip” e “Speed Challenge”. O primeiro são as famosas disputas de derrapadas, que ganharam grande destaque em Carbon e agora ganham novidades: agora tudo será mais competitivo, em pistas especiais e sempre aos olhos do público. Já Drag é uma das modalidades que se perdeu entre Most Wanted e Carbon, e agora volta com força total. Aqui objetivo é ver que carro tem a melhor arrancada, e quem consegue manter a maior velocidade até o final de uma reta.

Grip é o primeiro modo estreante no novo NFS, e promete exigir o máximo da habilidade dos jogadores. Sua base é a de uma corrida normal, mas com um toque extra de agressividade. Os carros disputam pela primeira posição em pistas mais estreitas e técnicas do que o normal, tornando cada ultrapassagem valiosa e difícil. Não raro, é aqui que muita gente vai deixar tinta nas barras de proteção e ver peças se despedaçando a torto e a direito. Speed Challenge é o outro novato, e representa o exato oposto do modo Grip: carros turbinados e super equipados correm em desertos e outros grandes espaços fora das cidades. Aqui ganha quem pisar mais fundo no acelerador, mas sem exagerar nas curvas.

Obviamente a tunagem, um dos elementos característicos da série, não vai ficar de fora. Opções como a ferramenta AutoSculpt, que permite ao jogador modelar sua máquina nos mínimos detalhes está de volta, ainda mais profunda e cheia de opções. Somado a isso, será incluso pela primeira vez na série um sistema de dano: barbeiragens nas corridas serão recompensadas com vidros estilhaçados, espelhos quebrados e muitos riscos. E como em Need for Speed os carros têm a cara dos seus motoristas, os estragos serão igualmente “especiais”, afetando cada possante de um jeito.

Se os videogames alcançaram um novo estágio na sua história, Need for Speed promete seguir pelo mesmo caminho. Esquentem os motores, ProStreet está chegando.

 

Trailer Oficial do Jogo: